Sete anos depois

outubro 15, 2015 admin Uncategorized 0 comments

Salve salve pra geral!

Eis que chegou o momento de comemorar o nosso aniversário. E que cabalístico é comemorar 7 anos de festa, minha gente? Muita gente iluminada das mais diversas religiões falam que a vida é marcada em ciclos de 7 anos.

Dizem que os sete primeiros anos é quando os alicerces da vida são assentados. É a fase da gestação, da nutrição e do crescimento. É a tal da primeira infância, que termina com os dentes de leite caindo e chegando os permanentes. É bonito pensar nisso: A estrutura que ajuda a formar esse alicerce cai, para que tenhamos outra estrutura forte e permanente. A fase que começa com a gestação e termina com a autonomia sendo criada.

Pra gente é meio isso que acontece por aqui também. O Escuta cresceu. E se tornou autônomo dos seus pais e padrinhos (porque tem um monte de pais e padrinhos do nosso samba por aí… E a gente é grato demais por cada um deles). Hoje em dia, a nossa festa é maior que a gente, pode ter certeza.

Continuamos (e continuaremos) a cuidar, a nutrir e a organizar essa festa que tanto nos enche de orgulho e de alegria. Orgulho de ter feito uma aposta certeira lá atrás, de que valia a pena investir numa festa com cara de casa e de quintal, que valia a pena investir no samba de raiz. Orgulho danado.

Mas nosso filho cresceu, isso não há dúvidas. E a gente fica feliz de ver o tamanhão que ele está.

Mas domingo, o que a gente quer mesmo, é comemorar com vocês. Enfeitar nosso quintal mais uma vez, colocar as toalhas de chita nas mesas embaixo das jabuticabeiras e escutar a marcação do surdo e o repique do pandeiro. A gente quer os rodopios das meninas, balançando a saia e sorrindo com a alma. A gente quer a cerveja gelada e as comidinhas delícia. A gente quer Escutar o Cheiro mais uma vez.

roda

Na falta de uma, duas! Isso mesmo, duas mulheres porretas para abrilhantar ainda mais a roda comandada pelos nossos amigos do Sinuca de Bico: Leila Fantini e Janaina de Cassia.

A Leila Fantini, com seu vozeirão, vem brindar a gente com os grandes mestres do samba de raiz. Olha só que bonita as palavras da moça: “O samba é um pedaço de nós, inspirado, feito com amor”. Já a Jana, além de uma voz linda, ainda vem acompanhada de seu violão pra fazer uma mistura linda de samba e MPB.

Imperdível, vai dizer?

Se na roda as nossas convidadas vem em doze dupla, na cozinha a gente repete o feito, e dessa vez com mãe e filha!

cozinha

A Juliana Araújo, nossa convidada, não é pouca coisa na cozinha não, tanto que tem a cozinha como profissão. Ela vai preparar pra gente uma moqueca de Pixe, que dizem que é de comer ajoelhado… eu que não vou perder a oportunidade de experimentar.

Mas como aqui é assim, a gente gosta mesmo é de agradar, a Ju contou pra gente a receita dela, pra quem quiser tentar em casa:

Receita: Moqueca de peixe

Ingedientes:600 gramas de cação em posta

2 colheres (sopa) de suco de limão

3 dentes de alho triturado

1 colher (sobremesa) de sal

5 colheres (sopa) de azeite de dendê

1 cebola em rodelas

1 pimentão verde 1 pimentão amarelo 1 pimentão vermelho

3 tomates em rodelas

1 pimenta dedo de moça picada

4 colheres (sopa) de salsa

1 xicara de leite de coco

Opção de coentro no lugar da salsa

Modo de preparo:

Tempere o peixe com limão alho e a metade do Sal.

Em uma panela refogue o alho com azeite cebola os pimentões o tomate tudo em camadas.

Distribua o peixe acrescente o restante do sal salsinha e por último o leite de coco. Vai acrescentando aos poucos e deixe cozinhar por 10 minutos.

 

Já a Dona Maria de Lurdes, a progenitora da família, apesar de já aposentada, disse pra gente que adorava esperar a patroa sair pra ficar testando receitas na cozinha dela! hehehe E ela vai preparar um Quindim, para aquela hora no meio da tarde que dá vontade de comer um docinho…

Olha a receita:

Receita: Quindim

Ingedientes:

2 copos de açúcar 200ml

1 coco ralado fresco 200g

1 vidro de leite de coco

2 colheres de (sopa) de manteiga

16 gemas

Modo de preparo:

Separe as gemas e passe-as por uma peneira. Junte os demais ingredientes e misture com auxílio de um

batedor de claras. Unte uma assadeira com bastante margarina e açúcar. Antes de assar deixe descansar por duas horas. Leve ao forno em banho-maria por 50 minutos.

Desenforme e deixe gelar para servir.

Rendimento de 12 a 15 porções

Já as nossas tias da cozinha oficiais, a Dani Lopes e a Lu Sales vão preparar pra gente pratos típicos de Portugal (a Dani voltou de lá agorinha, então as receitas são de lá mesmo, verdade verdadeira!): Grão Guisado e Caldo Verde. Huuuummmmm!

É isso. Vem cantar parabéns pro Escuta o Cheiro?

Serviço

O quê: Escuta o Cheiro

Quando: Domingo, 18/10, a partir das 12h

Onde: Espaço Escuta o Cheiro, rua dos Expedicionários, 544, Sousas, Campinas

Entrada: R$ 18,00 (dinheiro/cheque/cartão. Comida e bebida à parte)

 

Sorry, the comment form is closed at this time.