Das canjas de sempre.

novembro 17, 2015 admin Uncategorized 0 comments

Salve, meu povo!

Nosso domingo começou cinza, depois de uma noite chuvosa… muita gente se perguntou (ou mandou mensagem pra gente) se teria mesmo o samba, então vamos deixar combinado assim: a não ser que Noé queira vir fazer outra arca, a gente por aqui não foge de chuva não. Mas a gente já disse mais de uma vez: Santa Clara é nossa parceira e São Pedro é de casa. E eles levaram a chuva pra longe e todo mundo pode cantar, dançar e se divertir no domingo mais animado do mês.

Tá, vamos assumir que a animação não diminuiu, mas a lama deu uma aumentada nesse domingo… hehehe

EoC_Nov2015_001

E quanta gente bamba esse domingo apareceu por aqui para aumentar ainda mais o brilho da nossa roda! Os meninos do Sinuca de Bico, nossos músicos residentes , abriram a roda para um monte de canja, foi lindo de ver! A gente agradece de coração a cada músico que aparece aqui no nosso quintal e mostra um pouquinho do talento pra todo mundo. No domingo, andando pela festa, ouvi de uma freuqentadora: “o mais legal do Escuta o Cheiro é a quantidade de gente talentosa que aparece por aqui”. Pra mim, ela resumiu a nossa festa: o que a gente faz aqui é abrir a porta pra muita gente bamba, é isso!

EoC_Nov2015_026

EoC_Nov2015_033

EoC_Nov2015_036

EoC_Nov2015_037

EoC_Nov2015_039

EoC_Nov2015_093

EoC_Nov2015_094

 

E o que dizer dos nossos convidados? O Ido Luz e a Valéria Santos arrasaram na nossa roda: muito obrigada, queridos!

EoC_Nov2015_062

EoC_Nov2015_063

 

A gente agradece a todos que vieram e fizeram a nossa roda aquela coisa bonita de se ver. E já coloca na agenda: dia 20 de dezembro a gente se despede de 2015 com muito samba no pé!

Até lá!

Sorry, the comment form is closed at this time.